terça-feira, julho 10, 2007
















Foto:(Claúdia P.)


Nesta noite
que passa,
o manto negro
da noite
irrompe sobre
o céu cinzento.
Escuto o chilrear
dos pássaros
que me acompanham
sobrevoando
sobre mim.
Lá ao fundo
ouço um eco,
és tu a chamar
pelo meu nome.
Respiro a brisa
alimentando-me
com esta escuridão.
Pertenço ao passado
permaneço quieta
até tarde,
pois a noite
chama por mim...
(lisa)

29 Comentários:

Blogger SentidoS disse...

Olá Lisa!
Há muito que não repousou aqui, muito, tempo demais. Perfeita valsa de letras. Quando a noite cai no teu voluptuoso contorno, o misterioso luar cercar-te como uma ilha, abraça-te, porque ele venera-te como uma filha. Ele contempla o profundo da tua feição, a tua triangular e imponente compleição, o alvor da tua macia pele, a suavidade dos teus divinos movimentos, a pureza na enseada da tua alma etérea e fiel, altiva com um rochedo, aprumada mulher de elegantes sentimentos.

Beijo Sentido

1:44 da tarde  
Blogger lisa disse...

"sentidos"
Com essas tuas palavras só me apetece dizer-te, danças comigo?

:-)

Beijo.

2:51 da tarde  
Blogger Lu disse...

O fim de um ciclo e o início de outro.
É pelo teu "Eu", que com carinho te deixo um beijo e o desejo de um bom fim de semana.

Lu

12:13 da manhã  
Blogger **Arclight** disse...

querida amiga
as tuas palavras elucidam-m a mente!
a noite é propicia a lindos momentos romanticos
com um luar tão encantador e confortante é impossivel não se sentir o amor no ar

precisamos amar
precisamos d nos sentir uteis
necessitamos preencher um vazio constante no nosso interior
e deixar fluir a vida com naturalidade
pois o melhor d tudo n são amores impossiveis
mas sim a surpresa de que alguem sempre esperou por nós

deixa-t levar pela brisa
e sonha mto
pk sonhar tb é viver!

beijo gand********

7:23 da tarde  
Blogger Branca disse...

A noite é cheia de encantos, de mistérios, de sons, de luzes, de aromas...
Adoro observa-la, adoro senti-la..
É a ela que recorro parar relaxar quando realmente necessito...
Mas só pertenço a mim mesma, ao momento em que vivo, o passado já foi e futuro virá, não me quero sentir presa...
Não te sintas presa em tamanha imensidão, aproveita-a...

Beijinhos :)

10:15 da tarde  
Blogger lisa disse...

"lu"
Outro beijo para ti com carinho.
:-)

12:20 da tarde  
Blogger lisa disse...

"arclight"
E as tuas palavras deixam-me com um sorriso nos lábios.

Beijo para ti.

12:22 da tarde  
Blogger lisa disse...

"branca"
Realmente a noite tem algo especial, é à noite que vemos as estrelas no céu, é à noite que a lua brilha e toma conta de nós.

:-)

Beijo aluado.

12:24 da tarde  
Blogger Lu disse...

Lisa querida,

Obrigada pelas tuas palavras tao doces.
Retribuo em pleno o beijo e o desejo de um fim de semana fabuloso.
"A noite tem a lua que nos encanta e nos ilumina com o seu brilho de flores brancas e mágicas!"

Beijo

Lu

5:50 da tarde  
Blogger lisa disse...

"lu"
Completamente...
A lua que além de mágica, me tras paz e tranquilidade.

Outro beijo.

6:09 da tarde  
Blogger daniel sant'iago disse...

(Tão) Boa (a) noite, Lisa!
E um beijo.

6:43 da tarde  
Blogger A.S. disse...

O fascinio e o chamamento da noite são irresistiveis...

Belo poema Lisa!


Um terno beijo...

7:25 da tarde  
Blogger lisa disse...

"daniel"
Concordo.

Outro beijo amigo.

11:05 da manhã  
Blogger lisa disse...

"a.s"
A lua chega chega de mansinho com a noite. E rasteira, entrega-se ao mar...

Beijo.

11:14 da manhã  
Anonymous Secreta disse...

E há chamamentos aos quais não conseguimos resistir ...

5:34 da tarde  
Blogger lisa disse...

"secreta"
E este é um deles...

Beijo.

6:13 da tarde  
Blogger SentidoS disse...

Passei no silêncio e sabor deste aluado vento da noite...

Beijo Sentido

11:29 da tarde  
Blogger **Arclight** disse...

amiga
a tua esperança continua como a luz no fundo dum tunel
é pekena sim
mas está lá
já deve de certeza ter faltado mais para ela t tocar

deixa o sol por-se
para a lua deixar brilhar
e o teu caminho iluminar

em frente
beijinho*

10:42 da tarde  
Blogger lisa disse...

"sentidos"
Uhmm como é bom o silêncio.

Beijo.

12:42 da tarde  
Blogger lisa disse...

"arclight"
A esperança dá-nos força e coragem para seguirmos em frente.

Beijo.

12:44 da tarde  
Blogger Pierrot disse...

E quando chamam por nós, deixemo-nos ir, como que fluindo pela brisa, como que misturados com o perfume da noite, encantados pelas vaga lumes
Bjos daqui e que grande poema
Ge

1:30 da tarde  
Blogger lisa disse...

"pierrot"
Que bom ter-te de novo aqui.
Obrigada.

Beijos para ti.

4:46 da tarde  
Blogger pedro disse...

como eu sei o que é sentir o apelo da noite, esse corrupio que se entrenha em nós... nessa diferença que é as vezes ficar ou partir... que é tantas e tantas vezes mudar tudo, mudar de rumo...
as vezes pergunto-me porque prefiro o vazio da noite à segurança terna de uma fogueira mansa porque prefiro o desconforto, as horas frias a secreta paciencia...
depois percebo que no escuro as diferenças se esbatem, os sonhos se agigantam, o misterio se potencia,e a poesia desce às ruas ao sabor do lusco fusco.
amo a noite porque na noite ganho asas e atrevo-me a voar, porque descobrimos em nós pássaros e retomamos a nossa pertença aos céus, porque mesmo que no limbo entre o passado e o presente o futuro é sempre uma promessa e as dores do que fomos não doem tanto...

Adorei este teu texto linda, a forma como nos fazes pensar é muito especial, a forma como nos confrontas liberta...
Confesso que a primeira vez que li este texto fiquei perplexo, estava habituado a que os teus textos fossem repletos de luz e vida e neste encontro alguma nostalgia, muito de intimismo,
só te posso dizer uma coisa...nunca és nem serás "passado", faças o que fizeres, aconteça o que acontecer há em ti um continuum essencial raro e profundo, algo que nunca te abandona, algo de mágico e de circe, algo de sonho.
Já agora... se me permitires a ousadia .. deixa-me dizer-te que independentemente de seguires ou não seguires a voz que te chama, contra sempre comigo ( e concerteza com os outros amigos que te leem, será sempre uma honra sonhar ser ave e acompanhar-te nos teus voos.

10:05 da manhã  
Blogger lisa disse...

"pedro"
Agora eu é que fiquei perplexa com as tuas palavras. São sempre tão intensas, tão simpáticas e tão doces. O que me leva a continuar a escrever quando leio os teus comentários e de todos aqueles que me lêem.
Gosto de escrever como tu dizes textos cheios de luz, de vida e com alguma sensualidade à mistura :-)mas também há momentos na nossa vida que nos deixam menos felizes e por isso este texto mais nostalgico como tu referes e muito bem.
Obrigada pedro mais uma vez por me leres.

Beijo este cheio de luz.

5:27 da tarde  
Blogger impulsos disse...

Belo... muito belo, mesmo!

Um beijo

10:46 da tarde  
Blogger lisa disse...

"impulsos"
Outro beijo.

:-)

12:21 da tarde  
Blogger pedro disse...

este blog é sempre uma promessa de luz...
adoro vir cá..
beijo

pedro

ps.tenho um etxto novo no meu blog, com um cheirinho de positividade :-)

4:06 da tarde  
Blogger lisa disse...

"pedro"
Irei ler-te com toda a certeza.

5:43 da tarde  
Blogger pedro disse...

es linda

6:17 da tarde  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial